Uma realidade complexa,
uma multiplicidade de saberes.

Editorial

mjddir

Manuel José Damásio

O Departamento de Cinema e Artes dos Media (DCAM) da Universidade Lusófona é hoje uma realidade complexa que integra diferentes áreas do saber e da criatividade, do cinema à animação, das artes visuais ao design, passando pelo som, pela fotografia ou pelos videojogos.

Esta multiplicidade de saberes é acolhida no DCAM em torno de uma abordagem didática e pedagógica única, que sintetizamos em três palavras: criar, produzir e experimentar. Ou seja, no DCAM encaramos o processo de criação artística como um processo de ensino e de investigação que deve estar sempre interligado com uma lógica de projeto, que esteja o mais próximo possível das condições efetivas de exercício do processo criativo num contexto profissional. Significa isto, que no DCAM trabalhamos todos os dias para garantir aos nossos alunos excelentes condições de produção, mas que também incentivamos permanentemente uma autonomia individual que lhes permita experimentar técnica e artisticamente, as múltiplas possibilidades que oferecem os nossos vários cursos.

Este número da nossa revista é precisamente dedicado a uma reflexão sobre as condições de evolução futura do ensino nas várias áreas que integram o DCAM e, em particular, como todas elas podem convergir no sentido de dar corpo e forma a um projeto de ensino e investigação que queremos original e reconhecido a nível nacional e internacional.


Fotograma topo: Melquiades Freakavoid


Universidade Lusófona, Campo Grande, 376, 1749 - 024 Lisboa. Gestão de conteúdos por Produção Multimédia
Direitos de autor © 2019 Cinema e Artes Universidade Lusófona de Humanidades e Tecnologias. Todos os direitos reservados.